CAPEX: Invista em tecnologias que otimizem os custos com bens de capital e despesas operacionais

CAPEX: Como diminuir custos com bens de capital?

OPEX e CAPEX são termos ou indicadores econômicos muito importantes na hora de classificar investimentos empresariais.

Com as oscilações de mercado e a evolução constante em termos tecnológicos, as empresas precisam se equilibrar entre as demandas com inovação, manutenção, crescimento e uma balança positiva.

Isso, claro, não é uma tarefa simples. Afinal, alguns custos são considerados investimentos e são fundamentais para que a empresa se desenvolva.

Mas será que todo gasto com tecnologia, estrutura, maquinário e sistemas de ponta é realmente necessário? E mais, existem formas de diminuir os custos com investimento nessas categorias e otimizá-los de maneira a obter mais retorno?

Sim, e o CAPEX pode ser um ótimo aliado para facilitar essa análise.

Entenda melhor o que é esse indicador e de que forma a sua empresa pode economizar com despesas de capital.

Por que investir na análise de CAPEX

CAPEX é a sigla para o termo em inglês Capital Expenditure, que, traduzindo para o português, significa despesas de capital ou investimento em bens de capital.

É um indicador financeiro muito importante para as empresas, pois mensura e categoriza investimentos em máquinas, equipamentos e outros itens necessários para aumentar a produção de uma empresa e/ou possibilitar o seu crescimento.

Uma empresa moderna, que utiliza ferramentas tecnológicas, precisa de um alto investimento em bens de capital (CAPEX) logo no início de suas atividades. Afinal, para se manter competitiva no mercado é preciso inovação, automação e, principalmente, otimização de tempo e pessoal.

Porém, mais de 20% das micro e pequenas empresas fecham antes de completar cinco anos de atividade no Brasil. Segundo pesquisas realizadas pelo SEBRAE, alguns dos principais motivos são falta de planejamento e gestão financeira.

É natural que um novo negócio precise de tempo para retornar os investimentos iniciais, principalmente em épocas de crise, como a vivenciada nos últimos anos. Entretanto, infelizmente, não são todas as empresas que conseguem se manter até o retorno. E mais, poucas fazem um planejamento financeiro adequado para esse período.

Para diminuir os riscos de falência nos primeiros anos e para otimizar o investimento em CAPEX, é preciso fazer escolhas racionais. Sem, claro, prejudicar o potencial de crescimento do seu negócio.

Mas antes de entender como fazer isso, vamos analisar a importância dos investimentos em OPEX.

Por que investir na análise de Opex

Ao citarmos OPEX, falamos de Operational Expenditure, ou seja, despesas operacionais. Diferentemente de CAPEX, OPEX refere-se ao valor investido em serviços e produtos para execução e manutenção das operações de uma empresa.

Imagine, por exemplo, que o seu negócio precise de três computadores. Esse investimento é categorizado em CAPEX. Porém, se daqui a dois anos eles precisarem de manutenção, então, estaremos falando de OPEX.

Normalmente, os investimentos em CAPEX são maiores e mais espaçados. Já os relacionados a despesas operacionais ocorrem em volume menor, mas com maior frequência.

Como diminuir custos em Capex?

o que é CAPEX

É muito comum que as empresas optem por trocar custos de CAPEX por OPEX. Ou seja, em vez de investir em bens de capital, elas terceirizam algumas aquisições. Por exemplo, deixam de comprar uma máquina robusta, para investir em uma plataforma de cloud computing.

Ou em vez de comprar uma licença de software, optam por um fornecedor de sistemas e ferramentas de código aberto. Isso gera uma economia substancial nos investimentos, sem impactar na produção, nos resultados e no potencial de crescimento da empresa.

Todavia, como mencionamos, essa economia precisa ser estratégica. Portanto, antes da tomada de decisão, é fundamental percorrer um caminho. E o primeiro passo para diminuir os investimentos de CAPEX é fazer um mapeamento de todos os custos e valores relacionados a bens de capital. Como:

  • Computadores;
  • Veículos;
  • Licenças de software;
  • Imóveis;
  • Maquinário;
  • Etc.

Após elencados, é preciso mensurar quais deles precisam ser, de fato, adquiridos e quais podem ser alugados, contratados ou substituídos.

Se a sua empresa precisa armazenar um alto volume de dados, informações e quer estabilidade nos sistema e redes disponíveis, por exemplo, uma das melhores formas de diminuir os custos de bens de capital é otimizando a sua tecnologia.

Com o cloud computing é possível ter um maquinário menos robusto. Afinal, todas as informações, históricos e dados podem ser capturados e armazenados na nuvem. Assim, há a garantia da eficiência tecnológica sem precisar do espaço físico de inúmeros equipamentos, memória e processadores de ponta.

Veja mais algumas vantagens em investir em uma plataforma de cloud computing.

Principais motivos para usar cloud computing em seu negócio

  • Segurança

Utilizar a nuvem para hospedar informações na rede é extremamente positivo para garantir a segurança da informação. Afinal, seu negócio pode contar com a ajuda de uma empresa especialista nesse assunto.

Isso, naturalmente, também afeta os custos com manutenção e licenças, impactando tanto nos investimentos de bens de capital, quanto de operação.

  • Otimização de equipamentos e maquinários

Essa é, sem dúvidas, uma das melhores vantagens do cloud computing quando falamos de CAPEX. Afinal, com essa tecnologia a sua empresa não precisa adquirir maquinários poderosos para evitar instabilidade e oscilação em períodos de pico.

Isso é, inclusive, um investimento pouco estratégico. Afinal, é natural a variação da demanda ao longo do tempo. Adquirir bens poderosos, mas que ficarão ociosos boa parte do tempo, acaba sendo um gasto e não um investimento.

Com o cloud computing você pode adquirir a solução ideal e personalizada para a sua empresa e realizar upgrade e downgrade automaticamente, seguindo a demanda do negócio.

Ou seja, essa tecnologia, além da economia, ainda traz muito mais escalabilidade e estabilidade para a sua empresa.

  • Possibilidade de investimento em outras áreas mais estratégicas e com retornos maiores

Com o cloud computing, a sua empresa também consegue otimizar espaço, tempo e capital humano. Afinal, muitas funções gerenciais, administrativas e de armazenamento serão realizadas na nuvem, sem a necessidade de diversos profissionais focados em atividades repetitivas e burocráticas.

Assim, eles poderão focar tempo e energia em outras funções mais estratégicas para o seu negócio.

Sem contar, claro, que com a economia gerada na implantação de uma plataforma de cloud computing, a sua empresa também pode realocar esses recursos em outras inovações e bens de capital que tragam mais retorno para o negócio.

  • Economia

Como mencionamos anteriormente, os investimentos em CAPEX podem impactar profundamente na saúde financeira de um novo negócio. Diminuindo, assim, o seu potencial de sucesso e crescimento.

Ao realizar escolhas mais estratégicas, a empresa pode investir em máquinas e equipamentos menos robustos, gerando uma economia extremamente importante. Sem contar, claro, com a queda nas despesas operacionais, com contratação de serviços de suporte técnico e manutenção de servidores.

Afinal, com o cloud computing esses custos ficam a cargo da plataforma.

Falando em economia…

Como a Urbano Vitalino Advogados conseguiu uma redução de +R$ 1,5 milhão em custos ao ano?

Há 85 anos, o Urbano Vitalino Advogados atua como um escritório de advocacia oferecendo as melhores soluções jurídicas para os seus clientes.

Formado por uma equipe multidisciplinar especializada no setor empresarial, o escritório carrega o título de Great Place To Work, como uma das melhores empresas para se trabalhar no país. Também possui uma unidade própria em Angola e parcerias nos Estados Unidos, América Latina e Europa.

A empresa enfrentava alguns desafios, principalmente relacionados à eficiência. Ela utilizava um serviço de e-mail corporativo local, e, por conta disso, estava enfrentando diversos problemas de armazenamento e segurança de seus dados.

O risco de perder informações importantes era iminente. Além disso, a empresa também desejava aumentar a agilidade da equipe nos processos internos e possibilitar que ela trabalhasse de qualquer lugar e/ou dispositivo.

E, como vimos por aqui, essa é uma das maiores vantagens do cloud computing.

Com a modernização da sua estrutura tecnológica, resultado da parceria com a Safetec, o Urbano Vitalino Advogados conquistou uma economia de mais de R$ 1,5 milhões anuais. Isso foi possível com a redução do uso do papel pela empresa, evitando também a emissão de mais de 260 toneladas de CO₂ no meio ambiente e que mais de 3 mil árvores fossem derrubadas.

Além disso, a equipe passou a ter acesso aos seus dados e arquivos de qualquer lugar e/ou dispositivo, proporcionando liberdade geográfica para os colaboradores.

Implemente o Google Cloud no seu negócio

Agora que você já conhece os benefícios da computação em nuvem para diminuir investimentos em CAPEX, pode planejar a melhor forma de implementar essa tecnologia na sua empresa.

O cloud computing é uma estratégia atual e que pode ajudar a alcançar suas metas empresariais, permitindo que sua equipe trabalhe melhor e de maneira mais ágil.

Quer ajuda para começar? A Safetec ajuda seu negócio a fazer a transição para um sistema na nuvem mais integrado e produtivo que vai transformar a maneira da sua equipe trabalhar.

Aproveite para assistir ao nosso Safetalk e confira mais motivos para adotar o Google Cloud:

Fale com nossos consultores e modernize sua estrutura de trabalho.